Páginas

domingo, 29 de maio de 2011

A PUREZA DO MOVIMENTO PENTECOSTAL

A PUREZA DO MOVIMENTO PENTECOSTAL - PLANO DE AULA



Objetivos
Conhecer a origem do pentecoste cristão
Descrever a trajetória histórica do pentecostalismo
Saber distinguir o verdadeiro do falso pentecostalismo.

INTRODUÇÃO
- O Movimento Pentecostal apesar de bíblico sempre sofreu ataques (batismo e os dons foram apenas para aqueles dias) – refutação: At 2.39.
- Ataques em virtude de: 1) Falta de conhecimento Bíblico ou má interpretação da doutrina do Espírito Santo 2) Ignorância (desconhecimento)  da origem do avivamento.
- Veremos a origem e a atualidade do Pentecostalismo;
- Apesar de 100 anos de história na (continente Americano), já é experimentado há quase 20 séculos;
- Muitos movimentos – muitas confusões.

I.              A ORIGEM DO PENTECOSTES CRISTÃO
1.    O ponto de partida.
- No dia de Pentecostes, em Jerusalém;
- Cumprindo-se a promessa da vinda do Consolador – (Jo 14.16; Lc 24.49; At 2.1-4);
- Iniciou-se um novo tempo para o povo de Deus – (Jl 2.28-31)
2.    Como surgiu o termo pentecostalismo. – ler.
Pentecostalismo. Derivado do termo grego pentekosté que significa qüinquagésimo.
- Festas Judaicas: A Páscoa; O Pentecostes e Os Tabernáculos.   
- Pentecostes – Sete semanas – festa das primícias – festa da colheita
- Páscoa – Lv 23.16; Dt 16 – Cristo – Cordeiro pascal (Jo 19.36; 1 Co 5.7).
- O Pentecostes –50 dias - 7 semanas após a Páscoa –. (comemorava-se com as primícias da colheita).                  

3.    Do pentecostes judaico ao cristão.
Por que as igrejas que crêem na atualidade dos dons e no batismo com o Espírito Santo são chamadas Pentecostais?
Pentecostes judaico: Festa em comemoração a colheita - Dt 16. 9-12.  Ler 11. (sombra do pentecostes cristão). Jl 2.28-31; Lc 24.49; At 2.39.
Alegravam-se com as primícias dos frutos.
Pentecostes cristão: Em virtude do derramamento do Espírito Santo, recebeu um sentido espiritual (que representa o mover do Espírito de Deus): a) Ministério;
b) Operações; c) Atos e manifestações do Espírito santo na igreja e através da igreja. (At 19.1-20).  
Alegraram-se com as primícias do poder do Espírito Santo.  

II.            A TREJETÓRIA DO PENTECOSTALISMO
1.    A promessa da efusão do Espírito.
- Iniciou-se com o profeta Joel – Jl 2.28-32, destinada a todos – At 2.39.
- O movimento Pentecostal – Nada mais é do que a ação continua e renovadora do Espírito Santo na Igreja/crente.
- Efeitos: santificação, revestimento de poder, força para cumprir o Ide de Cristo (Mt 28.19,20; Mc 16.15-20).

2.    O Movimento Pentecostal tem o testemunho dos séculos.
- A maior testemunha desse movimento somos nós.
- A Igreja não cumpri o IDE de Jesus se não estiver revestida do poder do Espírito santo – At 1.8.

3.    O genuíno Pentecostalismo
- Não admite outra revelação além das Escrituras Sagradas;
- Prima pela ortodoxia bíblica e pela sã doutrina – Gl 1.6-9;
- Tem a Bíblia com regra de fé e prática;
- Reconhece que a Bíblia é:
- A Palavra de Deus;
- Inspirada;
- Inerrante e
- Completa.

III.           O VERDADEIRO PENTECOSTALISMO
Três ramificações no meio Protestante: tradicional, pentecostal e neopentecostal.
1.    Características das igrejas pentecostais.
Quais são as igrejas pentecostais? Assembléia de Deus; Congregação Cristã no Brasil; Igreja do Evangelho Quadrangular; O Brasil para Cristo; Deus é Amor.
Caracteristicas
a)    Aceitam a Palavra de Deus como única regra de fé e prática reconhecendo que ela é regra infalível para avaliação de movimentos espirituais (2 Tm 3.16);
b)   Mantém a pureza da sã doutrina, conforme a encontramos da Bíblia Sagrada (At 2.42; 1 Tm 4.16);
c)    Acredita na atualidade do batismo com o Espírito Santo e dos dons espirituais (At 2.39);
d)   Cumprem integralmente as demandas da Grande Comissão que nos deixou o Senhor Jesus (Mc 16.15-20);
e)    Tem compromisso com a santidade, defendem o aperfeiçoamento da vida cristã através da leitura Bíblica, da oração e do exercício da piedade da consolação do Espírito santo (Gl 5.22; 1 Ts 5.17-23; 1 Tm 4.8).

2.    Novos movimentos.
- Novos movimentos intitulados – Pentecostais (falsos).  
- São os Neo Pentecostais: Oriundos do pentecostalismo original ou mesmo das igrejas tradicionais, surgiram 60 anos após o movimento pentecostal.

Quais são: Igreja Universal do Reino de Deus; Igreja da Graça; Sara Nossa Terra e Renascer em Cristo.
Diferenças:
PENTECOSTAIS X NEOPENTECOSTAIS
- Dão bastante ênfase ao louvor e são mais flexíveis teologicamente;
- Não permanecendo estáticos na doutrina como são os pentecostais;
- Distingue-se também quanto aos usos e costumes.

Conseqüências:
DESVIOS DOUTRINÁRIOS
Práticas místicas e antibíblicas: sal grosso; rosa ungida; óleo e água “santificados”; culto aos anjos e etc.
 EXTRAVAGÂNCIA DOUTRINÁRIAGn  17.7, e.
- Teologia da prosperidade – base. Lc 11.9-10; Confissão positiva – base. Mc  11.23-24 - poder nas palavras;  Triunfalismo; oposto (Jo 16.33).  
- Quebra de maldição e etc.

CONCLUSÃO
Ler e finalizar.

Bibliografia.
Pequena Enciclopedia Biblica. Orlando Boyer. CPAD.
Bíblia de Estudo – SHEDD.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

- Deixe o seu comentário;
- Assim que puder responderei;
- Faça desse espaço um lugar de crescimento espiritual;
- Grato por sua visita;
- Deus te abençoe.