Páginas

sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

ESBOÇO DE SEGUNDA CORINTIOS

I. PAULO JUSTIFICA SUA CONDUTA 1.1–2.11
A. Grato reconhecimento pela bondade de Deus 1.1-14
1. Saudações 1.1,2
2. Encorajamento e sofrimento 1.3-11
a) Consolo e sofrimento compartilhados 1.3-7
b) Livramento de perigo mortal 1.8-11
3. A conduta simples e sincera de Paulo 1.12-14
B. O plano de Paulo visitar Corinto 1.15-2.4
1. Duas visitas foram planejadas 1.15-22
a) A visita de Paulo adiada 1.15-17
b) A consistência da palavra de Paulo 1.18-22
2. A razão de Paulo não ir 1.23-2.4
a) Boas razões 1.23,24
b) O amor de Paulo pelos corintios 2.1-4
C. Perdão àquele que causou tristeza 2.5-11

II. O MINISTÉRIO DE PAULO SOB O NOVO COCERTO 2.12–4.18
A. Uma porta aberta em Trôade 2.12,13
B. Guiado e enviado por Deus 2.14-17
C. Um glorioso ministério do Espírito 3.1-18
1. Um ministério de poder e vida 3.1-6
2. Um ministério melhor que o da lei 3.7-18
D. Um ministério honesto e centrado em Cristo 4.1-18
1. Um ministério genuíno 4.1,2
2. Um ministério eficaz 4.3-15
3. Um ministério sustentado pela esperança 4.16-18

III. AS METAS DE PAULO 5.1–6.13
A. Agradar ao Senhor 5.1-15
1. O Espírito garante um novo corpo 5.1-5
2. Andando por fé 5.6-8
3. O julgamento do Tribunal de Cristo 5.9,10
4. Motivados pelo temor e pelo amor 5.11-15
B. O ministério da reconciliação 5.16-6.13
1. Uma nova criatura 5.16,17
2. Os embaixadores de Cristo 5.18-21
3. Agora é o dia da Salvação 6.1,2
4. Os sofrimentos de Paulo 6.3-10
5. Pedindo uma resposta amorosa 6.11-13

IV. O APELO DE PAULO AOS CORINTIOS 6.14–7.16
A. Não seja participante com os incrédulos 6.14–7.1
1. Chamada a separação 6.14-18
2. Exige-se santidade interior 7.1
B. Consolação trazida por Tito 7.2-16
1. A conduta correta de Paulo 7.2-4
2. Paulo na Macedônia 7.5-7
3. O efeito da carta de Paulo 7.8-13a
4. A felicidade de Tito 7.13b-16

V. INCENTIVO PARA DARA COM GENEROSIDADE 8.1–9.15
A. O exemplo das igrejas da Macedônia 8.1-7
1. A generosidade macedônia, 8.1-5
2. Tito é exortado a incentivar a generosidade 8.6,7
B. O exemplo de Jesus 8.8,9
C. Termine o trabalho 8.10-15
D. O caráter de Tito e seus companheiros 8.16-24
E. Um presente generoso foi prometido 9.1-5
F. Semeando e colhendo 9.6-15
VI. O OFÍCIO APOSTÓLICO E A AUTORIDADE DE PAULO 10.1 – 13.13
A. A autoridade de Paulo será exercida 10.1-6
B. A conduta de Paulo como apóstolo 10.7-11
C. A jactância de Paulo 10.12 – 12.10
1. Os limites da jactância de Paulo 10.12-18
2. Paulo expõe os falsos apóstolos 11.1-4
3. O status apostólico de Paulo 11.5,6
4. A recusa de Paulo em aceitar pagamento 11.7-12
5. Os falsos apóstolos são denunciados 11.13-15
6. O sofrimento de Paulo 11.15-18
7. Paulo comprova-se com seus oponentes em Corinto 11.19-33
8. A visão de Paulo do paraíso 12.1-6
9. O espinho da carne de Paulo 12.7-10
D. O interesse altruísta de Paulo pelos coríntios 12.11-21
E. Advertência renovada 13. 1-10
F. Saudações finais 13. 11-13.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

- Deixe o seu comentário;
- Assim que puder responderei;
- Faça desse espaço um lugar de crescimento espiritual;
- Grato por sua visita;
- Deus te abençoe.